Ministério Internacional de Mães Unidas em Oração

Ministério Internacional de Mães Unidas em Oração
O Ministério Moms In Prayer International, anteriormente conhecido como Moms In Touch / Mães em Contato, chama-se, atualmente, Mães Unidas em Oração no Brasil. Começou em 1984, em Bristish Columbia, Canadá com Fern Nichols. Atualmente o Ministério está em quase 150 países. É um ministério de oração em favor dos nossos filhos (biológicos, adotivos e espirituais), os colegas deles, suas escolas, professores e diretores para que sejam guiados por altos valores bíblicos e morais e, assim, cobrir todas as escolas do mundo com uma rede de proteção espiritual através da oração. A base do Ministério são as escolas de nossos filhos. (Educação Infantil até a Universidade)

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

CALENDÁRIO NACIONAL DE ORAÇÃO - BRASIL - MÊS DE DEZEMBRO DE 2016

No Momento "A SÓS COM DEUS", a Mãe Unida em Oração escolhe a hora mais apropriada, diariamente, e ora de 3 a 7 minutos por um dos filhos (biológico, adotivo ou espiritual), pela escola e pelo pedido do dia que está no Calendário Nacional de Oração, enviado para todas as Mães que pertencem ao Ministério, em PDF.

O Calendário não substitui o encontro semanal dos PGOs - Pequenos Grupos de Oração de Mães Unidas em Oração.

Se alguma mãe, que pertença ao Ministério, não recebeu o seu Calendário Nacional de Oração é só nos enviar um e-mail: contato@maesunidasemoracao.org

Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link abaixo:
http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Mãe Unida em Oração é apenas instrumento nas mãos de Deus. Quem é digno de toda honra e de toda Glória é o Senhor Jesus Cristo! É Ele quem guerreia "com" e "através" de nós! (Efésios 6: 10-20).

Somos apenas servas!
Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 
Todo filho precisa de uma mãe que ora. 
Você já orou pelo seu filho hoje? 

www.maesunidasemoracao.org
contato@maesunidasemoracao.org

terça-feira, 29 de novembro de 2016

O PODER DA ORAÇÃO SUPERA A DEPENDÊNCIA



"Tínhamos um vírus em nosso computador ... e nunca sonhamos que isso levaria à descoberta de que meu filho estava baixando pornografia. Logo percebemos que o nosso filho era viciado. Meu marido e eu estávamos angustiados, mas Deus é misericordioso! 


Quando eu era muito jovem, Deus me abençoou com uma compreensão do poder da oração. Eu sabia que a única maneira de fazer com que meu filho adolescente voltasse a vida normal,  era orar mais, e orar  com um exército de mães. 

Juntamente com as mães do meu grupo Moms In Prayer International, nós clamamos pela vida do meu filho. Deus me deu a determinação de ser inabalável mesmo no meio da dor esmagadora que sentíamos como pais. Hoje meu filho não é mais viciado, ele tem a igreja como sua casa, um bom trabalho e uma noiva doce. 
Eu sei que Deus responde  aos clamores  de nossos corações! "

                                                                                     (Uma mãe de oração no Texas, USA)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

DEUS ESTÁ PROCURANDO MÃES QUE ENCONTREM TEMPO PARA ORAR PELOS FILHOS

Mães Unidas em Oração, é uma missão, pois são vidas no altar. Vidas santificadas. Vidas que crêem no Poder da Oração. Vidas que têm "a fé que vê o invisível, que crê no incrível e, que recebe o impossível!"

Precisamos de mães que passem tempo orando na Palavra de Deus, que falem de Deus para seus filhos e dos filhos para Deus.

Precisamos de mães que “derramem os seus corações diante de Deus; que levantem a Ele as suas mãos pela vida de seus filhos.”

A maior influência que uma mãe pode exercer na vida dos filhos é por meio da oração. Temos que priorizar, organizar nossa vida para isso. “Mãe comprometida com Deus só deixa de orar pelo filho quando ela morre!”

Nenhuma outra força na vida de um filho é tão poderosa e influente quanto uma mãe. Veja alguns exemplos de oração.

1. A mãe de George Washington era uma mulher cristã de oração, piedosa, com profundo senso único. Seu filho foi o primeiro e um dos melhores presidentes dos EUA.

2. Suzana Wesley tinha 19 filhos e nunca abriu mão de orar uma hora por eles. Esse tempo era sagrado e seus filhos não ousavam interrompê-la, porque sabiam que ela estava no quarto derramando sua alma diante de Deus em favor de cada um deles. Ela foi mãe de um grande líder do século XVIII, John Wesley, e um dos mais consagrados músicos evangélicos, Carlos Wesley.

3. Outra mãe intercessora foi Mônica, que orou cerca de 40 anos pela conversão de seu filho Agostinho.. Ele era um jovem devasso e completamente resistente ao evangelho, mas ela jamais desistiu de esperar por um milagre de Deus na vida de seu filho. Foram anos de luta, choro, mas um filho de muitas lágrimas não poderia se perder. Noite e dia ela clamava a Deus pela conversão de Agostinho. Agostinho foi o maior expoente da Igreja entre o período dos apóstolos e reformadores. Maior teólogo que a Igreja já produziu depois do apóstolo Paulo e foi fonte de inspiração para Lutero e Calvino.

4. Na família de Tim Cimbala, pastor em Nova York, sua filha primogênita estava se tornando resistente ao evangelho e começou a viver uma vida de rebeldia, mundanismo e pecado. Não demorou muito até se rebelar contra os pais e sair de casa. Seus pais choraram, sofreram e começaram a definhar a ponto de os amigos lhes dizerem para desistirem de procurá-la. Contudo, numa celebração de vigília, uma irmã interrompeu e disse que deveriam chamar por sua filha e todos deram as mãos e oraram. Ali se tornou uma “sala de parto” onde as dores e os gemidos eram expressos diante de Deus. Quando o pastor voltou para a casa ele disse à sua esposa: “Se há Deus no céu, nossa filha já foi liberta hoje”. E ela voltou para casa liberta e sarada.

5. Benedita da Silva Barbosa, mãe do Ministro do Supremo tribunal Federal, Joaquim Barbosa, disse que ora pelo seus filhos todos os dias e que nunca deixou de orar por cada um deles.

6. Assim, também milhares de mães pelo Brasil e em mais 146 países tem alcançado vitórias inauditas, inenarráveis sobre a vida de seus filhos, através do poder da oração.

Precisamos de mães que mesmo na agitação desse mundo sinistro tenham tempo para buscar a Deus em favor dos seus filhos.

Mães Unidas em Oração é um Ministério de Intercessão.


A mãe entende o que é orar através da Palavra de Deus. 

A mãe aprende a ter intimidade com Deus. 

A mãe aprende o que é ser um instrumento nas mãos de Deus.

Começar é fácil, difícil é perseverar. Com fé, coragem e perseverança, milhares de mães pelo Brasil e em mais 146 países tem alcançado vitórias inauditas, inenarráveis, pois tem perseverado anos e anos a fio..

Talvez você já tenha sido uma firme mulher de oração, que intercedia e hoje se encontra fraca. Não desista de orar por seus filhos, Deus está à procura dessas mães.

Não escute o desânimo que lhe diz: não lute!
Ou o fracasso que lhe diz: não tente.
Apenas escute a Deus que te diz: não desista, eu estou com você!

Deus esta tocando em você neste momento?

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

FOI UM SUCESSO O TREINAMENTO DE LÍDERES DE GRUPOS EM PEDRO DO RIO, PETRÓPOLIS, RJ



No dia 22 de outubro de 2016, das 13h às 17h, nossa Coordenadora Nacional Jane Esther de Paula Rosa e a e a irmã Rosângela Fernandes Pereira (Coordenadora do Município de Petrópolis, RJ) realizaram um Seminário para Treinamento de Líderes de PGOs – Pequenos Grupos de Oração de Mães Unidas em Oração no Templo da Primeira Igreja Batista em Pedro do Rio, Petrópolis, RJ Cada mãe conheceu o Programa completo de Oração pelos filhos e Escolas que tem feito a diferença na vida das mães de 146 países. 
Foi maravilhoso ver a ação de Deus na vida das mães presentes. As mães foram desafiadas a orarem por seus filhos e escolas... UM MINISTÉRIO DE MÃE COM MÃE (mãe biológica, adotiva ou espiritual) Em 1984, Deus clamou uma mãe: Fern Nichols Milhares de mães, avós, tias, mulheres em todo mundo se uniram a Fern em oração pelos filhos e escolas! Foi formada a Rede Mundial de Oração. Em 32 anos o Ministério está em 146 países... No Brasil, chegou em 1994. 
Este ano comemoramos 22 anos! 
O Livro: Todo Filho Precisa de Uma mãe que ora, autoria de Fern Nichols é um best Seller. O Livro: Orações Poderosas Para Mães, autoria de Fern Nichols é a base para orações, com Os Quatro Passos da Oração, tanto no A Sós Com Deus ou em PGOs - Pequenos Grupos de Oração. 
O Livreto: Mães Unidas em Oração, autoria de Fern Nichols está traduzido em mais de 50 idiomas, inclusive o Braille. É o guia para as reuniões em PGOs - Pequenos Grupos de Oração. 
Mistério Insondável de Deus! 


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 
Todo filho precisa de uma mãe que ora. 
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.maesunidasemoracao.org 
contato@maesunidasemoracao.org

ORAÇÃO POR MINHA FILHA....

"Portanto, sejam imitadores de Deus, como filhos amados, e vivam em amor, como também Cristo nos amou e se entregou por nós como oferta e sacrifício de aroma agradável a Deus. Entre vocês não deve haver nem sequer menção de imoralidade sexual nem de qualquer espécie de impureza nem de cobiça; pois estas coisas não são próprias para os santos. Não haja obscenidade nem conversas tolas nem gracejos imorais, que são inconvenientes, mas, ao invés disso, ação de graças". (Ef 5:1-4)

"Querido Senhor, que santificas, peço que minha filha seja imitadora de ti. Que nenhuma obscenidade, nenhuma conversa tola ou brincadeira grosseira saia de sua boca e que, em lugar disso ela agradeça. Protege sua mente contra a linguagem ímpia, cheia de blasfêmias e imprecações que ela ouve na escola, no trabalho, na televisão e em outras mídias. Que ela não participe das brincadeiras sujas, dos insultos sexuais ou das intrigas torpes que feririam os sentimentos ou prejudicariam a reputação de outras pessoas. Ajuda-a a compreender que uma linguagem chula, insultuosa, nunca é aceitável. Que ela possa desejar que as palavras de sua boca e as meditações de seu coração sejam aceitáveis para ti. Em lugar de praguejar, que as bênçãos de agradecimento saiam por sua boca. Em nome de Jesus, amém".


(Fern Nichols - Orações Poderosas para mães)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

O POST NÃO ERA PARA MIM...


Vi o post abaixo e, nem podia imaginar que seria para mim..
Lia todas as postagens e não me decidia a orar e colocar meus filhos na Rede de oração até que...

"... Meu filho de 19 anos, fazendo o quarto período da Universidade de matemática disse que iria encontrar com os amigos para irem a uma festa. Estava um dia nublado e, disse para ele: "- Meu filho, não vá, fica em casa, pois o tempo está ameaçando chuvas fortes e, não há necessidade de você sair.... Como sempre falei com muito amor.
Na mesma hora ele disse: "- Fica fria mãe, não vai acontecer nada, eu sou craque no volante da moto. Você vê perigo em tudo....
Foi a última vez que ouvi a voz do meu filho...
Poucas horas depois, ele estava morto!..."

Hoje, estou no Ministério, ajudo com a minha oferta de amor e meus outros dois filhos estão na Rede de Oração.
Sei que foi uma fatalidade e, que muitas mães já passaram por isso. Agora, entendo o que é sofrer a dor da perda de um filho...

(Sandra Regina Motta Soares - Mãe Unida em Oração - São Paulo, SP)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

terça-feira, 1 de novembro de 2016

DO NADA, A VIDA MUDA


“Durante 5 anos participei de reuniões de movimento de oração, em minha Igreja Presbiteriana no Rio de Janeiro onde sou membro, mas nunca tinha sentido em meu coração a necessidade de orar como no 29 de junho do ano passado. Foi então que conheci, Mães Unidas em Oração.

Sempre fui com minha família a igreja, mas não tínhamos compromisso com Deus. Não éramos assíduos e nem tão pouco estávamos presentes nas reuniões semanais. Meus filhos iam quando tinham vontade, quando queriam. Nunca me preocupei em conduzi-los nos caminhos do Senhor. Muito menos da necessidade de participarem, desde pequenos na EBD. Eu era uma mãe displicente com Deus.

Nunca tínhamos sofrido nenhum problema. A vida era muito "normal".

Bem, no ano passado, meu filho mais novo, Benjamim, de 23 anos passou por um dos piores momentos de sua vida e trouxe desespero para todos nós. Ele estava cursando o último período Engenharia de Telecomunicações e foi a um encontro com os colegas em um restaurante ao ar livre na praia de Ipanema no dia 28 de junho, uma sexta-feira para festejar o final do curso.

Na hora, do nada, sem nenhuma explicação senti um aperto no meu coração, e disse para ele não ir. Disse que meu coração estava apertado. Ele disse que não teria nenhum motivo para eu me preocupar, pois o encontro seria com a turma dele e que todos estariam juntos. Não teria nenhum problema. 

Bem, em determinado momento apareceram uns rapazes estranhos que não pertenciam a o grupo e começaram a perturbar as colegas de classe com palavras de baixo calão. Meu filho Benjamim, e mais dois colegas foram falar com eles e pedir que os deixassem em paz. Um dos rapazes começou a discutir com eles e disse que queria ver quem iria tirá-los dali. Thomaz, amigo de meu filho disse que iria chamar a policia. Outro rapaz sacou uma arma e disse que se alguém se mexesse que ele iria atirar. De repente ele atirou e a bala acertou meu filho em cheio. Eles fugiram e meu filho foi socorrido pelos colegas e levado para o hospital. 

Bem, tão logo recebemos a notícia, eu, meu esposo Guilherme, nossos dois filhos: Júlia e Matheus e minha mãe Martha fomos para o hospital. Foram momentos terríveis, de total angústia. 

Assim que chegamos, encontramos alguns dos colegas de nosso filho no hospital. Eles estavam transtornados com o que tinha acontecido. Informaram que nosso filho já estava no centro cirúrgico. Passamos horas sem ter noticias e aguardando a finalização da cirurgia para sabermos exatamente o que estava acontecendo. Nada da cirurgia terminar... 

Quando o dia estava prestes a amanheceu, a cirurgia acabou. O medico veio até onde estávamos e disse que o quadro de meu filho era extremamente grave! Que teríamos de aguardar as próximas 24 horas! A bala tinha perfurado alguns órgãos e que ele havia tido uma parada respiratória durante a cirurgia. Estava no CTI.

Durante o restante da noite eu orei como nunca tinha orado e pedi a Deus pela vida de meu filho! De manhã, enquanto as enfermeiras trocavam o plantão, uma delas ligou a televisão começou a mexer nos canais. Mesmo cansada comecei a ouvir e, em menos de 2 minutos, ouvi uma jovem senhora falando: “- mãe a sua causa não está perdida. Creia no poder de Deus e que Ele poder operar maravilhas na vida de seu filho. Ele está no controle de todas as coisas. Apenas creia!“

Aquela palavra tocou tão forte em meu coração que naquele momento, senti de Deus um refrigério muito grande. Estava perto da recepção, então peguei o numero do telefone e entrei em contato. Quem atendeu foi a irmã Jane Esther. Naquele momento meu coração estava disparado. Disse para ela o que tinha acontecido. Ela orou comigo e disse que estava a disposição para o que eu precisasse. Disse também que outras mães estariam orando.... Foi maravilhoso! 

Ela leu a Bíblia, a Palavra de Deus, no Salmo 91. Eu ouvia atenta todos os detalhes. Fiquei imensamente grata... 

Eu telefonava para ela todos os dias e ela orava por mim. Como me senti consolada. Como foi importante aquele momento juntas... 

Muitas pessoas de nossa igreja foram nos visitar, mas a palavra da irmã Jane Esther cravou no meu coração e transformou a vida de meu filho! Eu creio no Poder da Oração! Eu creio no Poder da Palavra de Deus, a Bíblia Sagrada.

Seu quadro foi melhorando e meu filho disse que sentiu em seu coração no CTI
 o Toque do Espirito Santo.. Ele disse: " - O Senhor Jesus tocou o meu coração. Eu senti a presença dele, comigo."  Aleluia! 

Em menos de 20 dias meu filho teve alta e foi para casa... Não teve como participar da formatura, pois estava muito debilitado. 

Passados dois meses, meu filho já estava bem e participou da formatura no final do ano.
Meu filho, hoje é líder dos jovens na Igreja. Passamos a ter compromisso com Deus e não faltar mais aos cultos. Meus outros dois filhos hoje estão integrados na igreja.

Procurei informações com a irmã Jane Esther de como poderia ser uma Mãe Unida em Oração. Ela me explicou dizendo que, primeiramente a mãe tem que sentir o toque do Espírito Santo. Depois pedir que Deus levante outra mãe com o mesmo propósito e, assim que tiver outra mãe para orarmos juntas, poderia formar o grupo e se reunir onde eu achasse melhor. Que seri bom participar do treinamento para conhecer os Quatro Passos Para Oração.

Hoje tenho meu grupo de oração em minha casa com mais três mães. Tenho a alegria se saber que estou somando com mães de mais 146 países. Que faço parte deste extraordinário Ministério de oração.

Muito obrigada, Mães Unidas em Oração!"

Mônica Moraes da Costa Fernandes 
 Líder de Grupo de Mães Unidas em Oração no Rio de Janeiro, RJ
(Testemunho publicado com a permissão da mãe)


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?